Dicas que geram economia de água para driblar a estiagem

Fechar a torneira ao lavar a louça

Dicas que geram economia de água para driblar a estiagem – O mês de maio marca o início do período de estiagem e, por isso, o Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae) reforça o alerta para que a população faça uso consciente da água para que o abastecimento não seja comprometido.

A produção e distribuição do Dmae continua normalmente sem, por enquanto, risco de desabastecimento.
A produção e distribuição do Dmae continua normalmente sem, por enquanto, risco de desabastecimento.

Mas é fundamental que a população adote atitudes que resultem no uso responsável desse bem essencial à vida.

O ideal é que esse cuidado fosse uma prática constante, mas muita gente acaba esquecendo do impacto do desperdício nos mananciais (de onde saem a água que chega até a casa do consumidor) e da relevância das pequenas atitudes neste processo.

“Com o período chuvoso, as pessoas tendem a relevar completamente a crise hídrica de anos atrás que trouxe consequências que perdurarão por muito tempo ainda.

Ou seja, um manancial desgastado, que teve sua vazão drasticamente reduzida, por exemplo, pode demorar anos para se reestabelecer”, explica Ana Paula Carvalho, supervisora de projetos de educação ambiental do Dmae.

Comunidade como parceira

Como cada pessoa tem um papel extremamente importante na redução do desperdício, o Programa Escola Água Cidadã, do Dmae, que atende mais de 30 mil pessoas por ano, visa a mudança de comportamento para o uso consciente da água.

“Em contato diário com a comunidade, há a demonstração de que muitos sabem como economizar e a importância de se preservar o meio ambiente e os recursos hídricos.

No entanto, a prática diária e constante das pessoas, nem sempre acompanha o discurso e o conhecimento a respeito. Isso reflete em um consumo per capta alto em Uberlândia”, afirma Ana Paula.

Ela acrescenta que o maior desafio do Peac em relação às pessoas é, exatamente, fazer com que o conhecimento adquirido se transforme em práticas cotidianas de sustentabilidade.

Dicas que geram economia de água
Dicas que geram economia de água

Reaproveitamento

O uso consciente da água passa também pelo reaproveitamento, seja por meio do reuso ou da coleta da água de chuva.

Um bom exemplo de reutilização pode ser por meio da máquina de lavar roupa que, com uma carga de 8kg para uma lavagem completa gasta, em média, 125 litros de água.

“Existe aí uma fonte excelente de água reutilizável para se aproveitar na lavagem do quintal e do carro”, exemplifica Ana Paula.

Dicas que geram economia de água

  1. – Escovar os dentes e fazer a barba com a torneira fechada;
  2. – Fechar a torneira ao lavar a louça;
  3. – Ao tomar banho, após ensaboar o corpo e os cabelos, seguidos um do outro, a água utilizada para enxaguar os cabelos já enxagua o corpo. Se fizer isso de forma separada (enxaguar os cabelos e depois ensaboar e enxaguar o corpo) gastará o dobro de água.
  4. – Reaproveite a água da máquina de lavar roupa para lavar áreas e calçadas.

Gleide Corrêa | gleidecorrea@uberlandia.mg.gov.br | (34)3233-4605


Veja mais notícias de Uberlândia.


Roteiro Uberlândia

O Roteiro Uberlândia tem como objetivo ser uma ferramenta gratuita para quem busca lazer, diversão e informações sobre a cidade de Uberlândia-Minas Gerais. Colabore, envie seu artigo ou notícia para contato@roteirouberlandia.com.br.

Sem comentários.

Sua opinião é muito importante:

Seu e-mail não será divulgado.

Você pode usar tags e atributos HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>